Arquivo mensal: dezembro 2006

Padrão

Adeus Ano Velho Feliz Ano Novo

Eba! Post de resoluções de ano novo!! Uhu!

Sei que ando totalmente sumida das minhas obrigações literárias, mas, ultimamente eu estou só descansando e estudando quando me dá vontade. Sim, isso mesmo que vocês leram: me dá vontade de estudar. Eu, sem me obrigar a nada, sento e estudo! Nossa, quanta diferença nessa vida. E quando eu vou na Saraiva, eu paro na estante de ciências políticas e choro porque eu quero levar todos. O que está acontecendo comigo?? Acho que eu achei uma coisa difícil de enjoar dessa vez. Itamaraty, aí vamos nós.

Minha resolução de resto de ano velho é achar um lugar para passar o reveillon. Confesso que está difícil. Creio que vou ver o show do black eyed peas na Multishow. E, não, não vou ficar com inveja de quem está vendo ao vivo. O Rio de Janeiro nunca me foi muito appealing, ainda mais em shows internacionais Nokia New Years Eve (ou seja lá como se chama). Fico com inveja se eles sortearem nokias N93 lá, serve?

Meu resto de dia 29 de Dezembro será resolver se eu vou pra Brasília amanhã ou não. A favor do não existe a falta de dinheiro (já que eu comprei presente de natal pra minha irmã e sobrinho, comprei um relógio à vista e gastei 56 reais no salão), ela seria compensada se eu tivesse certeza que passaria uma virada de ano novo legal lá, mas, pelo visto, ninguém tem muita certeza de nada em relação ao ano novo.

Acho que eu estou com tanto medo de 2007 que eu queria entrar nele bêbada, acompanhada de pessoas amadas e bem feliz. Por isso não fui para Uberlândia, onde haveria apenas uma pessoa imensamente amada e muitas pessoas não conhecidas. Sou anti-social, estou ainda mais anti-social ultimamente. Na verdade, corrijo, ando totalmente louca ultimamente. Meu humor flutua de um segundo a outro. Às vezes só eu sinto, às vezes as pessoas sentem e eu não. Às vezes ninguém sente nada.

Agora, pro ano novo, minhas resoluções são: sobreviver e conseguir administrar várias partes da minha vida de uma vez. Em 2006 eu descobri que consigo ser competente, agora só falta descobrir se eu tenho foco suficiente para ser competente em várias áreas.

Bom, mas o principal é sobreviver, cuidar da saúde, da pele, emagrecer, escrever, escrever e escrever, estudar, estudar e estudar e…Sobreviver.

Padrão


At Last

Hoje resolvi seguir o conselho do meu pappys e vim colocar tijolos em outras construções, como escrever, por exemplo. Uma cura para minha apreensão com o futuro. E deu certo. Tudo bem que não era para eu estar acordada a uma hora dessas, ainda mais porque eu acho que vou precisar passar na biblioteca e chegar pontualmente as oito na sala de aula, mas, valeu a pena. Minhas costas estão doendo , mas, Penny Lane não está mais abandonada. Ultimamente descobri uma pessoa a mais que lê meu livro e disse que tem até programa que avisa quando atualiza! =D

Felicidades mil. Estou feliz com o décimo fasssscículo. Comprido, sim, ele é, mas, tirando pelo título, era o esperado.

Com vocês, A Odisséia!