Arquivo mensal: setembro 2006

Padrão

Classificados do Casa

Garota Inteligente e Bonita Oferece

Namoro com qualquer um que pagar minhas contas. Garantia de seis meses. Prometo: torcer para o seu time, ouvir reclamações de trabalho, usar fantasias (exceto de palhaço) sensuais, fingir que sou outra mulher, fingir que gosto dos amigos, não me importar com o futebol de domingo, ligações por dia a combinar, gosto do freguês.

Só tenho relações com outras mulheres se, além de pagar minhas dívidas, garantir meu sustento e meu cursinho do IRBR ano que vem.

Por salário a combinar, participo até de orgias.

foi a única coisa que eu consegui pensar que fosse um pouco mais digna do que pegar minha saia curta, minhas botas pretas e passear pelo conic.

Penny Lane

Sexto fascículo, já nas bancas. Vou começar o Sétimo hoje e ver se já trabalho no Oitavo e no Nono também porque eu já tenho esboços. Vou tentar lançar o Sétimo na segunda feira e já ir adiantando os outros dois no fimd e semana também porque existe a possibilidade deu não existir essa semana, ou porque vou ter muito o que fazer, ou porque vou estar curando uma depressão temperada a TPM com muito sono.

Padrão

Overmundo

Publiquei três contos meus no Overmundo e pretendo publicar mais um. São contos velhos que, se vocês são do tempo do Sunny Dale Tales, talvez já conheçam. Arrumei umas coisinhas aqui e ali e publiquei.

O Overmundo é um site brasileiro aberto à divulgação de cultura. Eventos, textos, imagens, pinturas, o que for. É um espaço aberto para as pessoas publicarem, lerem, opinarem, votarem, darem sua opinião, etc. Eu ainda sou nova lá. Ainda não li muito por lá e ainda estou aprendendo, mas é bem interessante.

Então, para quem não conhesse meus contículos. Estão no Overmundo, ainda na lista de edições, nos seguintes links:

O Dia Mais Feliz de Sua Vida

Pistas

Maria

Confesso que contos não são minha especialidade. Gosto de coisas maiores, de personagens que perduram. Mas, consegui fazer alguns e estou experimentando.

É isso.

P.S:

O sexto saiu =)

Padrão

Sorry, Folks!

Mil desculpas se minha atualização de Penny Lane ainda não saiu. Já tenho um esboço no caderninho vermelho (preciso comprar outro) e já estou começando a passar ele pro blog, mas não está saindo do jeito que eu quero. E hoje, o dia foi para recuperar o sono e os estudos porque eu ando muito estudante relapsa. Tudo bem que meus 42 créditos foram muito bem escolhidos. Minhas matérias não são difíceis e são prazeirosas, 20 desses créditos são de estágio, a única coisa que me angustia, já que faltei o primeiro e não sinto que estou me saindo bem ultimamente lá com os X-babies e meu segundo estágio não começa o trabalho em campo. Amanhã vou ver se defino isso de uma vez e nada de esperar e-mails (>/~~).

Mesmo assim, eu tenho muita leitura atrasada e certas contas também. Amanhã pretendo ir pagar um pouco da Renner, ligar para a Vivo e avisá-los que eles foram super burros e me mandaram duas cópias da fatura errada (já não tenho mais vontade de chutar alguma coisa toda vez que penso nisso) e dar uma limpada básica na casa, depois ver Velvet Goldmine e ler os textos para analisar o filme em relação a eles. E hoje ainda tenho que ler o Decameron (só um pedaço, não se assustem) e mais um texto de Cultura da América Latina no Século XX. E já é mais de meia noite.

Hoje além do sono recuperado tive que recuperar meu cooler, que por sinal, ainda precisa de um empurrãozinho para funcionar e minhas pesquisas para o seminário sobre magia persa para amanhã deu uma atrasadinha. Então nada de Encontro dos Imaginários.

Imagino, então, que o sexto fascículo sai na quarta ou quinta feira, junto com meu dinheiro pra pagar a TIM (=D).

Saudosismos

Que saudades absurda que eu estava de estudar História, Línguas, Cultura (de certa forma). Não estou sentindo muita falta da Psicologia, principalmente porque meus estágios são obviamente no IP, então não tirei umas férias grandes. Mas, as disciplinas, estão sendo bem mais legais. Seis anos estudando subjetividade do indivíduo cansa.

E hoje minha cabeça deu um nózinho entendendo todas as briguinhas entre as potências mercantilistas e entendendo porque Portugal perdeu lugar para a Cia das Índias Orientais. Resumindo eu sabia, mas com pormenorizinhos, ai, quanta informação.

Padrão

Diários de Edição de Penny Lane Três (eu avisei)

Não, não tirei o cavaleiro sem cavalo de lá. Ele fica, meu cavaleiro e minha garota. O que eu fiz foi uma pequena alteração no primeiro fassscículo, o Sobre Nomes. Tinha falado que Ulisses era irmão de alma e melhor amigo de Ana, mas, na verdade, ele é mais que isso, então agora está assim: “e que Ulisses, meu ex-namorado e minha alma gêmea conturbada, me chame apenas de Kite”

O sexto fascículo sai amanhã ou depois, depende do meu tempo. Ponho uma nota aqui, como sempre.

E Mais…

Estou arrumando meus continhos velhos, aqueles que ficavam no Sunny Dale Tales, que por sinal eu vou fechar. Vou publicá-los no Overmundo, mas, primeiro tenho que arrumar tudo e pedir pro Duende converter para pdf pra mim (quem mandou oferecer =D).

Quando publicar, conto para vocês.

Padrão

Diários de Edições de Penny Lane Dois (longe de ser o último)

Então. Estou pensando seriamente em tirar o Cavaleiro sem Cavalo, colocá-lo mais à frente. Estava pensando em Penny Lane quando for publicá-lo como livro e pensei que talvez eu fizesse um capítulo chamado Anna com as divagações dela sobre si mesma intercalando com os Imortais e as buscas deles em saber o que acontece no Vale do Esquecimento e com a própria Penny. Depois, eu introduziria o Cavaleiro sem Cavalo, a Garota Teimosa e o Príncipe Rebelde depois quando Ana já estivesse divagando sobre seus processos imaginários e o que lhe aconteceu ultimamente que é o motivo original para ela começar a escrever sobre si mesma.

Estou dando um tempo para ver se alguém me convence do contrário. Incluindo eu mesma, que estarei trabalhando nisso (convencer-me do contrário) com afinco nos intervalos de uma soneca para recuperar, estudar Francês, ler textos de Budismo, ir na BCE, pegar xerox de Cultura Latino-americana, pesquisar sobre magia e Pérsia e pá e tal. Caixinhas de fósforo.

Imagem

Está aí porque eu sou uam florzinha, né PIB? Devo lá ter meus espinhos. Mas, com certeza ando bem amarela.

E-Mail para Clara Boggan Querida

Padrão

Diários de Edições de Penny Lane Dois (longe de ser o último)

Então. Estou pensando seriamente em tirar o Cavaleiro sem Cavalo, colocá-lo mais à frente. Estava pensando em Penny Lane quando for publicá-lo como livro e pensei que talvez eu fizesse um capítulo chamado Anna com as divagações dela sobre si mesma intercalando com os Imortais e as buscas deles em saber o que acontece no Vale do Esquecimento e com a própria Penny. Depois, eu introduziria o Cavaleiro sem Cavalo, a Garota Teimosa e o Príncipe Rebelde quando Ana já estivesse divagando sobre seus processos imaginários e o que lhe aconteceu ultimamente que é o motivo original para ela começar a escrever sobre si mesma.

Estou dando um tempo para ver se alguém me convence do contrário. Incluindo eu mesma, que estarei trabalhando nisso (convencer-me do contrário) com afinco nos intervalos de uma soneca para recuperar, estudar Francês, ler textos de Budismo, ir na BCE, pegar xerox de Cultura Latino-americana, pesquisar sobre magia e Pérsia e pá e tal. Caixinhas de fósforo.

Imagem

Está aí porque eu sou uma florzinha, né PIB? Devo lá ter meus espinhos. Mas, com certeza ando bem amarela.

Padrão

Vento de chuva, cheiro de chuva. Mas eu ainda não vi a chuva em si. Anyway, está bem melhor agora. Hoje de tarde eu dormi e sonhei e parece que meu corpo finalmente descansou. Porque estava ventando, com certeza. Deus, como eu preciso de vento, chuva, nuvens pesadas! Não entendo essas pessoas que fazem apologia ao sol o tempo inteiro.

E vocês lembram daquele fascículo Terceiro (Os Imortais segunda parte) que sumiu e deu lugar a outro Terceiro (O Cavaleiro sem Cavalo)? Pois é, ele voltou e me disse que agora se chama Quinto.

Au revoir…

Padrão


Notícias

Parabéns para a Clara que ganhou o concurso de receitas com arroz preto com seu baião de dois invertido, purê de mandioca amarela com pimenta e queijo coalho com molho de rapadura (deliciosos). Agora ela vai ter um prato com a assinatura dela. Chique!

Parabéns para mim que consegui ficar ainda mais gripada e acabada e que faltei aula hoje. Parabéns para mim também que vou lá fazer pedido de diploma e pagar colação de grau daqui a umas duas horas lá na UnBesta. E parabéns para mim que resolvi que vou investir mesmo na ida para o Instituto Rio Branco. E parabéns para mim que resolvi que quero ter uma editora independente.

Editora, escritora, diplomata. Meus ascendente em Leão vai ter que rugir muito para eu sair de uma pessoa que só imagina para virar “gente que faz” e gente que faz esse tanto de coisa.

E, saiu o quarto fascículo (falem essa palavra beeeem devagar e puxem bastante o s em fassssssscículo. Delícia!) de Penny Lane. Corram e leiam!!! Vão logo!!!

Padrão

Diários de Edições de Penny Lane

Então, podem me odiar, mas eu troquei a ordem dos fascículos de Penny Lane. Para as pessoas que estão lendo, aquele que antes era o terceiro fascículo, foi tirado de publicação e aparecerá um pouco mais à frente. Achei que ficaria mais legal se eu apresentasse primeiro as três “camadas” (eu tinha a palavra layer em mente) da história e depois começasse a desenvolvê-la.

Bem, para os que estão gostando e têm paciência, se quiserem até ler de novo o primeiro e o segundo fascículo ( e me contar para me dar a idéia de que vocês acham uma delícia ler meus textos) para refazer a história na cabeça e não confundir tudo.

Recapitulando: O primeiro fascículos é Sobre Nomes onde Penny LAne se apresenta e discorre sobre nomes e o quê se é necessário para se apresentar uma pessoa e conhecê-la, o segundo Os Imortais , perdeu o parênteses de primeira parte e se chamará só Os Imortais mesmo. O terceiro capítulo agora é quando vocês conhecem um cavaleiro sem cavalo.

E aquele terceiro fascículo que vocês leram (OS Imortais segunda parte) irá aparecer mais à frente. Gostei dela e ela não será descartada. Tentarei postar mais de um fascículo essa semana para compensar a bagunça.

Obrigadíssima pela atenção e corram para ler Penny Lane!